Buscar
  • Grupo Neurofocus

Exercício terapêutico para a desconfiança

A desconfiança é a disposição para suspeitar de outrem; temor de ser enganado; descrença, dúvida, suspeição.


Segundo Pedro Gouvea em A era da desconfiança, a desconfiança seria "um padrão de comportamento que apresenta certas características, como suspeitar, sem um motivo razoável, de estar sendo explorado, maltratado ou enganado pelos outros, preocupar-se com dúvidas infundadas acerca da lealdade ou confiabilidade de amigos, sócios ou cônjuges, não confiar nos outros por acreditar que informações serão usadas maldosamente contra si, etc. (APA, 2014)." Quando se vive para desconfiar ou se há predominância sobre outros comportamentos há necessidade de buscar tratamento.



O EXERCÍCIO


Sentando-se com a coluna ereta numa cadeira de braços, colocar-se numa posição confortável, apoiando os braços na cadeira, inspirando pelo nariz e expirando lentamente pela boca. Em seguida, encostando a cabeça no lado esquerdo do ombro inspirar e encostando a cabeça do lado direito do ombro, expirar.


EXPLICAÇÕES


No final da medula, na união com o cérebro,   existe uma região chamada formação reticular, que tem a mesma substância cinzenta da medula, contém     circuitos de interneurônios, que geram padrões motores e coordenam reflexos e comportamentos.​


Nossa hipótese é a de que esse exercício em seu movimento pendular informa através da formação reticular que esse corpo está seguro nesse espaço e momento.  Isso acontece porque os neurônios localizados na porção medial da formação reticular modulam movimento, postura, dor, funções autonômicas e estado de alerta. Esse movimento imita os do bebê nos primeiros meses de vida quando no colo, move a cabeça de um lado para o outro. No adulto essa sensação pode ser imitada através de movimentos pendulares ou circulares.


RESULTADOS


102 relatos de pacientes são de calma, tranquilidade e segurança. Esses relatos foram comparados com resultados de Eletroencefalograma (EEG).


REFERÊNCIAS


R. SILVA, S. VIÑAS, Dos Neurônios às Traquinagens. Santo Ângelo, RS, 2020


11 visualizações0 comentário